Is Home Page: false

Manter a conformidade e reduzir riscos futuros

O excesso de confiança das equipes internas ou os processos legados podem aumentar a não conformidade.

Embora a linguagem dos negócios esteja cada vez mais padronizada, uma coisa permanece tão culturalmente complexa como sempre: as leis trabalhistas. As organizações precisam conhecer as questões referentes a riscos e conformidade que enfrentam em cada jurisdição onde fazem negócios - e é uma tarefa quase impossível para qualquer empresa tentar realizar por si só.

A gestão de RH, folhas de pagamento e benefícios gera uma grande variedade de questões, desde a gestão de conformidade e riscos até custos. As mudanças nas exigências regulamentares de declaração de impostos e as políticas e procedimentos de conformidade afetam não só o setor de RH, mas também os gerentes de linha e funcionários. Uma recente pesquisa da Ernst & Young sobre folhas de pagamento constatou que os principais problemas enfrentados pelas organizações estão relacionados à conformidade com a legislação (23%) e à consistência dos processos de folhas de pagamento (18%) na organização como um todo. A pesquisa também descobriu que os erros mais frequentes nas folhas de pagamento incluem retenção incorreta de impostos e operações existentes que são incapazes de manter a conformidade com as cada vez mais complexas exigências legais ou regulamentares.

Os CFOs conseguem prever melhor (antecipar e prevenir não conformidades, em vez de reagir depois de terem incorrido em penalidades) e controlar os custos.

Como, então, as organizações poderiam saber se estão continuamente cumprindo suas obrigações de conformidade com RH e as folhas de pagamento com base nos regulamentos mais recentes, em constante mudança? O excesso de confiança em equipes internas ou em processos antigos preestabelecidos pode fazer com que as organizações acreditem estar agindo em conformidade, quando, na verdade, estão expostas a problemas de não conformidade possivelmente prejudiciais. Pesquisas recentes, realizadas pela ADP, revelaram que 80% das organizações acreditam cumprir os regulamentos nacionais, apesar de um terço dos mesmos entrevistados ter sido punido por não conformidade no ano anterior.

O fato de não abordar as questões referentes aos risco e à conformidade de RH pode expor a organização a DANOS À REPUTAÇÃO e alta rotatividade de pessoal

Preencha o formulário ao lado para acessar os relatórios:

  • Desafios e Soluções de RH
  • Terceirização de RH é só para RH?
  • Seu RH pode apoiar o crescimento internacional?

Landing Compliance Responsivo